Motoristas param carro para cobra de seis metros atravessar no interior do Acre

Uma cena inusitada foi registrada por motoristas que passavam pela BR-364, no interior do Acre, na noite desta terça-feira (19). Uma cobra de aproximadamente seis metros foi flagrada no momento em que atravessava a rodovia.

Para não atrapalhar a travessia, os motoristas pararam os veículos e esperaram o animal terminar o percurso. A costureira Késia Dantas, de 39 anos, estava em um táxi e registrou o momento em vídeos.

Moradora de Sena Madureira, interior do Acre, Késia falou ao G1 que estava a caminho de Rio Branco, por volta das 19h, quando o animal passou na pista, na altura da Comunidade Antimary.

“O taxista viu ela na hora que a gente ia passando, ele parou e paramos para esperar ela atravessar. Todo mundo parou para esperar, pensavam que era uma jiboia, até pegaram nela”, relatou.

Cobra atravessou rodovia e fez os motoristas esperarem ela terminar o percurso — Foto: Reprodução Cobra atravessou rodovia e fez os motoristas esperarem ela terminar o percurso — Foto: Reprodução
Cobra atravessou rodovia e fez os motoristas esperarem ela terminar o percurso — Foto: Reprodução

Apesar das imagens que fez, a costureira disse que ficou com bastante medo do animal.

“Fiquei assustada, fiz um vídeo dentro do carro e depois saí quando vi que ela não ia atacar ninguém. Fiquei com medo, o rapaz pegou nela e me perguntou se não tinha coragem de pegar. Não tenho coragem”, contou entre risos.

Boa atitude
O major do Corpo de Bombeiros do Acre Cláudio Falcão falou que o animal parece ser uma sucuri, mas as imagens não deixam claro qual a verdadeira espécie da cobra. Ele comentou também sobre a atitude dos motoristas de proteger o animal.

“Isso é o ideal a fazer, não podem interferir no equilíbrio ecológico. Todos esses animais são importantes pra natureza porque mantêm o equilíbrio ecológico. É importante que não matem, protejam e, se atacam, é sempre pra se alimentar. O homem é sempre uma ameaça, sem dúvida”, complementou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui