Acre registrou quase 50 homicídios dolosos durante o mês de julho, diz Segurança

Acre registrou quase 50 homicídios dolosos durante o mês de julho, diz Segurança

O Acre registrou 49 homicídios dolosos – quando há a intenção de matar – durante o mês de julho deste ano. Os dados são da Polícia Civil e foram divulgados nesta quarta-feira (12) pela Secretaria de Segurança Pública (Sesp-AC).
O levantamento destaca ainda o registro de um caso de lesão corporal seguida de morte e nenhuma vítima de latrocínio.
O número de mortes é maior que o registrado no mês anterior. Segundo a Segurança, foram 37 homicídios dolosos durante o mês de junho deste ano. O aumento percentual de execuções de junho para julho foi de 32%. Ainda conforme a segurança, não houve casos de latrocínio ou lesão seguida de morte durante o mês de junho.
Entre as mortes de julho está a do casal Maria Valdirene Lima do Nascimento, de 27 anos, e Victor Vasques, de 20, que foram encontrados mortos em cima da cama, na madrugada de 18 de julho após ter a casa invadida no Conjunto Habitacional Cidade do Povo, em Rio Branco.
Em outro caso, Jhonatan Clark dos Santos, de 34 anos, foi morto na tarde do dia 2 de julho quando saía de casa no Conjunto Novo Horizonte, em Rio Branco. Dois homens em uma motocicleta teriam abordado a vítima. Segundo a polícia, Santos tentou correr, mas um tiro o acertou no pescoço e ele morreu dentro de casa.
Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui